Prédio histórico da Fábrica Santa Amélia abrigará cursos de Turismo e Hotelaria da UFMA

O governador Flávio Dino participou, nesta quarta-feira (7), da inauguração do Complexo da Fábrica Santa Amélia. Ao lado do reitor da Universidade Federal do Maranhão, Natalino Salgado, o governador comemorou a inauguração que representa um impulso para o turismo e para a difusão cultural do estado.

“É uma alegria como gestor poder testemunhar mais um passo importante desse processo de recuperação da história do Maranhão, agradecer em nome do povo do Maranhão ao governo federal, muito especialmente ao PAC Cidades Históricas e a Universidade Federal do Maranhão por esse presente, um equipamento que vai servir para educação e também para o nosso propósito permanente de valorização da nossa memória, da nossa história”, disse Flávio Dino na inauguração do Complexo Fábrica Santa Amélia.

Depois das obras de restauração e requalificação, o Complexo da Fábrica Santa Amélia abrigará os cursos de Turismo e Hotelaria da UFMA, além do Hotel-Escola da Universidade. O novo prédio possui hall, pátio com mezanino, primeiro pavimento, mirante, quatro miniauditórios, uma passarela onde funcionava a antiga base dos motores, além de espaços para lanchonete, jardim interno e área de vivência.

A secretária Delma Andrade, que também participou da cerimônia, falou sobre a inauguração. “A restauração da Fábrica Santa Amélia permitirá que o espaço continue escrevendo uma parte importante da história de São Luís. A UFMA e o Iphan trabalharam juntos para conservar ao máximo as características originais dos prédio, mas também entregarão uma estrutura moderna e adequada para proporcionar a formação de profissionais de Turismo e Hotelaria, que poderão aliar a teoria à prática” , disse a Secretária.

Depois das obras de restauração e requalificação, o Complexo da Fábrica Santa Amélia abrigará os cursos de Turismo e Hotelaria da UFMA, além do Hotel-Escola da Universidade. O novo prédio possui hall, pátio com mezanino, primeiro pavimento, mirante, quatro miniauditórios, uma passarela onde funcionava a antiga base dos motores, além de espaços para lanchonete, jardim interno e área de vivência.

Também integram o complexo, uma empresa júnior e o hotel-escola, que terá nove apartamentos suítes, um restaurante e duas cozinhas industriais. Esta estrutura ficará a serviço dos alunos de turismo e hotelaria da UFMA para o aprendizado, na prática, da administração de um hotel.

“Esse é um momento histórico para nós. Esse espaço é importante para a formação acadêmica e também porque revitaliza um importante local no Centro de São Luís. Um dia memorável e de muitas comemorações”, explicou o reitor da UFMA, Natalino Salgado.

Também participaram da inauguração o vice-governador Carlos Brandão, o presidente da Assembleia Legislativa, Humberto Coutinho, o secretário municipal Governo, Lula Fylho, a superintende do Iphan Kátia Bogea, o diretor do PAC Cidades Históricas, Robson Almeida, o presidente da Fiema, Edílson Baldez e o ex-ministro turismo Gastão Vieira.

Fábrica Santa Amélia

Localizado na Rua Cândido Ribeiro, no Centro Histórico de São Luís (MA), o monumento nacional foi tombado em 1987. Santa Amélia foi instalada em 1902 no prédio da antiga fábrica da Companhia de Lanifícios Maranhense, fundada em 1892, constituindo um rico testemunho da trajetória do empreendedorismo maranhense, refletindo o poderio da elite enriquecida pelo algodão.

Cândido Ribeiro, considerado o maior expoente desse empreendedorismo e conhecido como o construtor de fábricas de tecidos, foi quem fundou o Cotonifício, composto pelas fábricas Santa Amélia e São Luís, que exportava para diversos estados do Brasil e alguns países da América Latina, empregando 670 operários em 294 teares com a produção de 3.500.000 metros anuais de brins e riscados.

Encerrando suas atividades em 1966, a Fábrica Santa Amélia permanece como monumento para a reflexão sobre arquitetura, industrialização, expansão da cidade e sobre o trabalho, onde azulejos portugueses comungam o mesmo terreno com estruturas de ferro, explicitando dois tempos: o auge da cultura do algodão e o sonho de transformar o Maranhão agrícola em industrial.

Com informações da SECOM e Iphan

Endereço

Secretaria de Estado do Turismo - SETUR

Av. Dom Pedro II,
Pça da Mãe d'Água,
Nº. 32 - Centro
CEP: 65010-450
São Luís - Maranhão

E-mail para contato:
ascomseturma@gmail.com

Encontre no Mapa

Desenvolvido e hospedado pela Secretaria Adjunta de Tecnologia da Informação - SEATI